sábado, 17 de fevereiro de 2007

ARTE DE CAÇA DA ALTANERIA - DIOGO FERNANDES PERREIRA

"Diogo Fernandes Ferreira foi pagem do senhor D. Antonio Prior do Crato, e creado em sua casa desde tenra edade. Parece que nasceu pelos annos de 1546, e vivia ainda ao que se vê em 1616. Nada mais hei podido apurar a seu respeito (...)

Arte da caça da Altaneria, dirigida a D. Francisco de Mello, Marquez de Ferreira, Conde de Tentugal, etc. Repartida em seis partes. Lisboa, por Jorge Rodrigues 1616. 4.º do VI 118 folhas numeradas na frente, afóra o indice no fim (...)

Traz no principio uma advertencia dos vocabulos da arte, e da significacão d'elles, e no corpo da obra mistura algumas vezes com as materias de que tracta differentes noticias mythologicas, philosophicas, e de historia natural, em que se mostra sufficientemente versado para o tempo em que escreveu (...)

Todos os nossos philologos concordam em que esta obra é classica nos termos pertencentes à materia de que tracta, e ainda nos outros foi tida em algum respeito por Francisco José Freire, que nas suas Reflexões sobre a lingua portugueza muitas vezes auctorisa com ella o emprego de certos vocabulos. Porém o sr. Rivara nas notas á parte II das Relexões, pag. 172, extranha que tal se désse: porque, diz elle, a obra lhe parece suspeita em pontos de linguagem, por ser mal e incorrectamente impressa, e achar se crivada de erros, até de regencia da oração; o que não quer dizer que não abunde em muitos termos de falcoaria, etc ..."

[in, Diccionario Bibliográphico Portuguez, de Inocêncio Francisco da Silva, Tomo III]

1 comentários:

américo disse...

O texto completo do livro de Diogo Fernandes Ferreira está no archive.org
fazer a pesquisa:
Diogo Fernandes Ferreira, Arte da caça de altaneria.

O texto de ferreira está também editado por José Manuel Fradejas Rueda no Archivo Iberoamericano de Cetreria